-
19/09/2020 às 10h36

Bolsonaro diz que agronegócio do Brasil está sob ataque

Agronegócio
Bolsonaro diz que agronegócio do Brasil está sob ataque

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta sexta-feira (18), que as críticas ao Brasil em razão das queimadas na Amazônia são injustas e estariam a interesses de países “concorrentes”.


Durante discurso a produtores rurais e executivos do agronegócio durante visita ao Mato Grosso, na Bolsonaro afirmou que os incêndios “acontecem ao longo de anos”:


“Estamos vendo alguns focos de incêndio acontecendo no Brasil. Isso acontece ao longo de anos. Porque obviamente: quanto mais nos atacarem, melhor interessa aos nossos concorrentes para aquilo que temos de melhor, que é o agronegócio. Países outros que nos criticam não têm problema de queimadas porque já queimaram tudo no seu país.”


O presidente também lembrou o discurso feito por ele na Assembleia Geral da ONU, no ano passado, quando deu ênfase ao agronegócio:


“A ONU queria, conforme contactado por alguns chefes, que nós passássemos de 14% do território demarcado para 20%. Falei-lhes: não. Não podemos sufocar aquilo que nós temos aqui e que tem nos garantido não só a nossa segurança alimentar, bem como a segurança alimentar para mais de 1 bilhão de pessoas.”