-
16/12/2016 às 05h25

Prefeitura desiste de produzir documentário de quase R$ 600 mil

Brasil
Prefeitura desiste de produzir documentário de quase R$ 600 mil
© Reprodução/TV Gazeta

A Prefeitura de Linhares, no Espírito Santo, anunciou nesta sexta-feira (16) que não vai mais produzir um documentário sobre a Lagoa Nova, que custaria R$ 545.502,10 aos cofres públicos. O valor seria pago a empresa Brava Produções, responsável pelo filme.

De acordo com o G1, o novo secretário de Meio Ambiente de Linhares, Luciano Cabral, contou que não haveria tempo hábil para a execução do documentário.

Além disso, Luciano Cabral afirmou que o dinheiro da produção do filme continua no fundo municipal e que só pode ser usado para ações de educação ambiental. O documentário, por sua vez, seria disponibilizado às escolas municipais.