-
08/02/2017 às 10h08

Ouvidoria da Politec atendeu 119 solicitações em 2016

Justiça
Ouvidoria da Politec atendeu 119 solicitações em 2016
Reprodução

Consolidando-se como um dos principais canais de comunicação entre a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e a sociedade, a Ouvidoria Setorial da instituição atendeu a 119 mensagens por meio do sistema “Fale Cidadão”, em 2016. Com demandas de diversas naturezas, o pedido de informações registrou o maior número de ocorrências. As principais foram as solicitações sobre o trâmite da Carteira de Identidade.

Durante os últimos três anos, foi constatado um aumento de 128% nas manifestações dos cidadãos. Segundo a ouvidora da Politec, Stela Pacola, isso reflete o maior nível de consciência do cidadão, a respeito dos seus direitos e deveres.

A criação da Central de Atendimento ao Cidadão (CAC), em 2015, facilitou a comunicação, que antes era feita no site da Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) e por meio do telefone da Ouvidoria. Somente no mês de janeiro de 2017, o CAC já recebeu 236 ligações, a maioria referente a informações sobre o processo seletivo simplificado para a contratação temporária de técnicos em necropsia, ou sobre dúvidas com relação ao edital.

“As demandas atendidas pelo CAC geralmente são informações sobre prazos e procedimentos para a obtenção dos serviços, assim como reclamações com um nível de resolutividade mais imediato, em que as respostas são fornecidas em um menor prazo. O andamento de uma perícia, prazo para a conclusão, reclamações sobre a descontinuidade dos serviços devido à falta de algum insumo, entre outros, são alguns exemplos’’, citou Stela Pacola. 

Já as perguntas encaminhadas por meio da Ouvidoria são formalizadas pela própria população no sistema ‘Fale Cidadão’. As indagações são recebidas pela CGE e, depois, direcionadas à Ouvidoria. “O nosso papel é receber esta demanda e enviá-las aos diretores/gestores responsáveis pelo setor, para a obtenção das respostas aos cidadãos. As solicitações têm um prazo de 15 a 30 dias para serem respondidas, observando o melhor meio para a resposta, a critério do demandante, via telefone, ou mesmo no próprio sistema’’, explicou.

A Central de Atendimento ao Cidadão é utilizada como fonte de informação sobre o andamento dos serviços ou como obtê-los, bem como, adotada pelos cidadãos como meio para demonstrar insatisfação sobre o atendimento da Politec. O CAC busca criar um canal direto de comunicação entre o cidadão/usuário e a instituição e os servidores.  O serviço também é utilizado pelo Poder Judiciário e órgãos de Segurança Pública, para consulta de informações sobre os serviços requisitados à Politec. 

Para entrar em contato com a CAC, o interessado pode ligar gratuitamente para o 0800 647 8987, enviar e-mail ao endereço eletrônico cac@politec.mt.gov.br, mandar ofício ou comparecer pessoalmente à sede da Politec, em Cuiabá (Av. Gonçalo Antunes de Barros, nº 3245, Carumbé, CEP: 78058-743). O telefone da Ouvidoria Setorial da Politec para denúncias, sugestões ou reclamações é o 3613-1253.

Serviço

Frente à demanda crescente por informações a respeito dos procedimentos necessários para a emissão da carteira de identidade, a Ouvidoria, juntamente com o setor de Tecnologia de Informação da Politec, desenvolveu, em dezembro de 2016, um campo para consulta no site da instituição, com perguntas e respostas sobre as principais dúvidas dos cidadãos.

O serviço reúne informações que correspondem a 40% das manifestações recebidas pela Ouvidoria da Politec. O site informa também os horários de atendimento, acompanhamento do processo de confecção do RG, lista com os endereços e telefones de todos os postos de identificação do Estado, a padronização da foto 3x4, além da emissão dos boletos, e os critérios de isenção da taxa. Acesse aqui.