-
28/12/2016 às 09h43

Turquia e Rússia concordam em proposta para cessar-fogo na Síria

Mundo
Turquia e Rússia concordam em proposta para cessar-fogo na Síria
As forças pró-governo da Síria avançam no vilarejo de Jisr al-Haj durante operação militar para retomar áreas mantidas pelos rebeldes na cidade de Alepo - 14/12/2016 (George Ourfalian/AFP)

O acordo busca expandir para o resto do país a trégua que já está em vigor na cidade de Alepo, no norte da Síria

Turquia e Rússia chegaram a um acordo de cessar-fogo total na Síria, informou nesta quarta-feira a agência estatal turca Anadolu. A proposta busca implementar a trégua em todo o país até a meia-noite, no horário local (20h em Brasília).

Segundo a agência, os dois países alcançaram um consenso que será apresentado a participantes do conflito sobre expandir o cessar-fogo já estabelecido na cidade de Alepo neste mês. Se a cessação de confrontos tiver sucesso, o regime sírio e os grupos rebeldes de oposição devem iniciar negociações políticas em Astana, capital do Cazaquistão, sob a tutela de Turquia e Rússia.

Se confirmadas, as  discussões em Astana contariam com a presença do governo sírio de Bashar Assad e todas as forças opositoras, exceto os grupos definidos como terroristas. O curso-sírio Partido da União Democrática e seu braço militar Unidades de Proteção do Povo, que combatem o Estado Islâmico (EI) no norte do país, poderiam ficar de fora das negociações porque a Turquia os considera terroristas.

Na semana passada, Rússia, Irã e Turquia disseram que estão prontos para ajudar a mediar um acordo de paz após conversas em Moscou, onde adotaram uma declaração estabelecendo os princípios para que acordos sejam implementados.

(Com Reuters e EFE)