-
27/01/2017 às 17h57

Celebridade: Trump chama Madonna de ‘repugnante’ em entrevista

Estilo
Celebridade: Trump chama Madonna de ‘repugnante’ em entrevista
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e a cantora Madonna (Joe Raedle e Theo Wargo/Getty Images)
Presidente eleito dos EUA criticou declaração da cantora na Marcha das Mulheres sobre "explodir a Casa Branca"

O discurso de Madonna na Marcha das Mulheres em Washington, em 21 de janeiro, continua repercutindo. Dessa vez, o próprio presidente dos Estados Unidos criticou o pronunciamento da cantora, que afirmou ter ficado tão irritada com o resultado da eleição que pensou em “explodir a Casa Branca”.

Em entrevista ao jornalista Sean Hannity, da Fox, Donald Trump foi duro com Madonna. “Honestamente, ela é repugnante. Acho que ela se machucou muito, acho que ela machucou toda essa causa”, afirmou, referindo-se à marcha que aconteceu em diversas cidades do mundo em prol dos direitos das mulheres e questões como reformas trabalhistas e meio ambiente.

Trump ainda acrescentou: “O que ela disse foi uma vergonha para o nosso país”. Durante a entrevista, ele também criticou o programa Saturday Night Live, que tem um quadro humorístico em que o ator Alec Baldwin imita o presidente americano.