-
24/10/2019 às 17h21

'Decisão de Bolsonaro foi acertada ao acabar com o Horário de Verão', disse analista

Política
'Decisão de Bolsonaro foi acertada ao acabar com o Horário de Verão', disse analista

O Horário de verão entraria em vigor neste mês de outubro de 2019, porém após parecer contrário ao horário, apontado pelo Ministério de Minas e Energia, o presidente decidiu retirar de todo o país a mudança de horário que ocorria anualmente há muitas décadas no Brasil.


A decisão que pôs fim no Horário de Verão foi tomada em abril de 2019 pelo Presidente Jair Bolsonaro. 


O presidente da República explicou que estudo do Ministério de Minas e Energia apontou pouca efetividade na economia energética: “Ele [ministro] trouxe um parecer 100% favorável ao fim do horário de verão. No parecer dele, [o horário de verão] não causa economia [de energia] para nós e mexe no teu relógio biológico, então atrapalha a economia, em parte. E só temos o que ganhar, no meu entender, mantendo o horário como está”, disse Bolsonaro


Bolsonaro vem avaliando a demanda desde o período de transição de governo, iniciada após o pleito eleitoral em 2018. E, após conversas com correligionários e equipe técnica, optou por encerrar o ciclo de mudança de horário no Brasil. 


Uma das lideranças políticas que tratou do tema com o Presidente foi o suplente de deputado federal Victório Galli (PATRIOTA-MT).


Victório Galli tomou diversas medidas para colocar fim no Horário de Verão, desde requerimentos ao Governado de Mato Grosso, ao Ministério de Minas e Energia. O líder político, que faz parte do grupo de Bolsonaro, chegou a sugerir consulta pública e estudos para comprovação técnica da ineficiência da medida para economia de energia, no Brasil.


Em abril deste ano, Victório Galli participou da reunião ministerial ao lado do Presidente Bolsonaro que decidiu colocar fim a mudança anual de horário no Brasil.


O parlamentar de Mato Grosso chegou a comemorar a decisão na ocasião, já que desde o ano de 2012 vem travando um batalha junto aos governos estaduais e federal para o atendimento da demanda.


Parar o analista político, Manoel Carlos, a “Decisão de Bolsonaro foi acertada ao pôr fim no Horário de Verão. A decisão do presidente foi técnica e corajosa. Ao longos dos últimos anos, projetos de lei, requerimentos, pesquisas e estudos já apontavam para o Fim do Horário de Verão no Brasil. O padrão de consumo de energia elétrica no Brasil não é o mesmo da época em que o sistema foi adotado”, afirmou.