-
04/05/2018 às 11h37

BC decreta liquidação extrajudicial do Banco Neon

Economia
BC decreta liquidação extrajudicial do Banco Neon
Ueslei Marcelino/Reuters

Banco Central decretou nesta sexta-feira (4) a liquidação extrajudicial do Banco Neon, empresa de tecnologia do setor financeiro (fintech) criada em 2016 e que funciona como um banco digital. A autoridade monetária disse ter encontrado no banco "graves violações" às normas legais e regulamentos vigentes na instituição.


"A supervisão do Banco Central do Brasil constatou o comprometimento da situação econômico-financeira, bem como a existência de graves violações às normas legais e regulamentares que disciplinam a atividade da instituição", afirmou a autoridade monetária em nota.

De acordo com o BC, as irregularidades não estão relacionadas com abertura e movimentação de conta digital ou com a emissão de cartões pré-pagos, que são operados pela Neon Pagamentos. 

Mesmo assim, a autoridade monetária disse que as contas serão bloqueadas e que será feito um levantamento dos saldos dos cartões pré-pagos e dos valores de cobertura do FGC (Fundo Garantidor de Crédito) para restituir os correntistas "com a celeridade possível". 

Os demais credores, segundo o Banco Central, serão informados a respeito das providências para habilitação dos seus créditos.  O banco possui apenas uma agência física, em Belo Horizonte. Segundo o BC, o Banco Neon detém 0,0038% dos ativos do sistema bancário.

"O Banco Central está adotando todas as medidas cabíveis para apurar as responsabilidades, em observância às suas competências legais de supervisão do sistema financeiro. Nos termos da lei, ficam indisponíveis os bens dos controladores e dos ex-administradores da instituição." 

Com informações da Folhapress.