-
22/02/2021 às 16h17

Botelho diz que cumprirá decisão do STF e convocará nova eleição para presidência da AL

Política
Botelho diz que cumprirá decisão do STF e convocará nova eleição para presidência da AL
Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

O deputado Eduardo Botelho (DEM), que teve suspensa, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a sua reeleição para o cargo de presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), disse que cumprirá a decisão e convocará um novo pleito em breve. Ele se disse tranquilo com a situação e pontuou que fez sua missão como presidente.


“Esta questão já tinha sido discutida e julgada no Supremo há um tempo e permitia a assembleia fazer alterações na Constituição do Estado. Esta não era uma cláusula de repetição obrigatória. No entanto, agora o supremo mudou o entendimento. Isso é normal, eles sempre mudam alguma coisa”, pontuou o deputado em vídeo publicado logo depois da decisão do STF.

 

Ao se dizer muito tranquilo com a questão, Botelho disse que agora cabe cumprir o que foi decidido ministro Alexandre de Moraes. “Vou convocar a eleição, fiz minha missão como presidente”. O prazo dado pela Justiça é de 48 horas para que a Casa de Leis comunique a data do novo pleito.

 

“Tenho certeza que muitas mudanças aconteceram para melhorar. Agora é continuar, a vida é assim. Vou continuar sendo o deputado Eduardo Botelho, a mesma pessoa batalhadora, lutando por Mato Grosso com muita alegria e felicidade”, finalizou o deputado.