-
11/03/2019 às 17h15

Estadão ataca Fernanda Salles, mas esquece que a denúncia foi feita, anteriormente, por blogueiro francês

Política
Estadão ataca Fernanda Salles, mas esquece que a denúncia foi feita, anteriormente, por blogueiro francês
Reprodução Web

O Estadão publicou uma matéria em forma de ataque contra Fernanda Salles, jornalista do site Terça Livre, que replicou matéria investigativa em que revela uma gravação da Jornalista Constança Rezende e um jornalista de site francês e de responsabilidade do blogueiro Jawad Rhalib. Nessa gravação 2 jornalistas conversam sobre liberação de documentos públicos sigilosos do COAF para o ESTADÃO e no contexto a jornalista revela que há um trabalho desgastante que tem como pano de fundo arruinar o Governo Bolsonaro. O Estadão não nega que uma das vozes é de fato da jornalista Constança. 


O Estadão quando publicou a matéria contra Fernanda Salles, com o título: “Fernanda Salles, que assina fake news sobre repórter do 'Estadão', assessora deputado do PSL” esqueceu de atacar e responsabilizar o blogueiro que produziu e o site francês que publicou a denúncia originária por meio do jornalista Jawad Rhalib do site Mediapart. E, por consequência, esqueceram também de atacar o jornalista L. Todd Wood do The Washington Time que também repercutiu a denúncia.


O Estadão buscou junto ao site francês uma retração e a afirmação de que a notícia de trata de NOTÍCIA FALSA, retirando sua responsabilidade e jogando no colo do jornalista Jawad Rhalib. E, por certo o ESTADÃO usa essa informação para distorcer ainda mais os fatos.