-
19/08/2018 às 02h23

Monocultura X Agroecologia

Agronegócio
Monocultura X Agroecologia
Imagem reprodução Web

Recentemente li uma matéria de um grande veículo de comunicação, um estudo bem superficial que dizia que, a Agroecologia ainda é ignorada pela "monocultura" a mídia, pois seja a mídia digital, televisiva ou radiodifusão, dedica 95% de seu espaço ao agronegócio e 5% a técnicas sustentáveis, dadas como "alternativas" ou "exóticas", segundo pesquisa realizada em uma pós-graduação em Ciências Sociais da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).


Acredito que esses números apenas demonstram a importância do Agronegócio, para a economia e sua contribuição para equilíbrio da balança comercial do Brasil.


Já a Agroecologia, os poucos incentivos que existem são burocráticos, e desmotiva qualquer um.


Apontar o problema é muito fácil, e por isso, apresento uma proposta para incentivar a Agroecologia.


Facilite o crédito, dê incentivos para agroecologia eliminando a burocracia, e colocando a produção (e não a terra) como garantia, libere crédito para áreas desmatadas ilegalmente (apenas pequenas propriedades até 4 módulos fiscais) que estão embargadas e precisam recompor a reserva legal, incentivando modelos de arranjos agroecológicos como ILPF, com exóticas, como eucalipto ou espécies nativas.


O produtor tem todo direito de fazer suas escolhas. Será que funcionaria? Acredito que seria estimulante.



Rodrigo Gomes é Engenheiro Florestal,

pós-graduado em Gestão e Manejo Ambiental, 

Georreferenciamento e especializando em 

Engenharia de Segurança  do Trabalho