-
04/02/2020 às 13h33

Quarentena forçada causa morte de jovem com paralisia na China

Mundo
Quarentena forçada causa morte de jovem com paralisia na China

O jovem foi encontrado sem vida vários dias depois de seu pai ser colocado em quarentena obrigatória.

 

Um adolescente com paralisia cerebral morreu sozinho em casa depois que seu pai e irmão foram colocados em uma quarentena obrigatória por suspeita de coronavírus na China. 


O prefeito da cidade de Huajiahe, na província de Hubei, e o secretário local do Partido Comunista foram afastados dos cargos após a intensa repercussão local do caso.


Uma semana após seus familiares serem colocados em isolamento, Yan Cheng, 16 anos, foi encontrado sem vida em sua casa na quarta-feira (29). 


O adolescente recebia cuidados apenas do pai, informa a emissora britânica BBC.


O pai tentou explicar às forças de segurança do regime sobre a situação complicada do filho. Oficiais do regime chegaram a ir até a casa do adolescente para alimentá-lo por duas vezes.


No entanto, segundo a imprensa chinesa, quando uma tia foi visitá-lo uma semana depois já encontrou o jovem sem vida.


O pai de Yan foi realmente diagnosticado com coronavírus. Ele foi internado junto com seu outro filho, que é autista, mas que não estava infectado com o vírus.