-
12/05/2021 às 13h19

Reforma administrativa é ‘sobrevivência financeira’, diz Guedes

Economia
Reforma administrativa é ‘sobrevivência financeira’, diz Guedes

Reforma administrativa vai gerar uma economia de R$ 300 bilhões em dez anos, diz Guedes.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou, nesta terça-feira (11), que a proposta do governo Jair Bolsonaro de Reforma Administrativa não é uma questão de “ideologia”, mas sim de “sobrevivência financeira”.


A declaração foi feita em audiência pública na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados.


Saiba mais detalhes:


“Muitos estados estão com dificuldades, atrasaram aposentadorias, salários. Não é uma questão de ideologia, mas de sobrevivência financeira“, disse Guedes.

O ministro repetiu a estimativa de que a reforma administrativa vai gerar uma economia de R$ 300 bilhões em dez anos.

“Temos que construir carreiras meritocráticas, de bom desempenho. Nós somos servidores públicos, nós não somos autoridades. Que história é essa de tirar carteirinha e falar: ‘Eu que mando, é assim, é assado, sou cheio de privilégios, ganho mais que todo mundo, tenho estabilidade’. Que história é essa? Somos servidores“, acrescentou Guedes.

“Então, poderíamos estar aqui, como em qualquer governo, abrindo concurso público e botando uma porção de gente para dentro, para aparelhamos o Estado, termos bastante militantes trabalhando para nós no futuro. Não estamos pensando assim, estamos pensando nas gerações futuras“, completou.