-
09/07/2019 às 14h00

Saúde mental dos jovens da União Europeia é preocupante

Mundo
Saúde mental dos jovens da União Europeia é preocupante
Getty image

Um novo relatório europeu afirma que a saúde mental entre 72 milhões de jovens europeus é preocupante. Os jovens na Suécia correm maior risco de depressão, seguidos pela Estônia, Malta, Holanda e Grã-Bretanha.


Na semana passada, este relatório foi publicado pela organização Eurofound. E mostra que 14% dos europeus, entre os 18 e os 24 anos, correm o risco de depressão, enquanto 4% sofrem de depressão crônica.


De acordo com o relatório, as meninas são mais propensas a sofrer de sintomas depressivos do que os meninos.


Na Suécia, 41% dos jovens estão em risco de depressão e 21%, na Holanda. Na Bulgária e na Eslováquia, o risco de depressão entre os jovens é menor: 6% e 1% dos jovens correm risco, respectivamente.


A Eurofound aponta que os jovens que vivem em países em crise econômica, ainda experimentam os efeitos da exclusão econômica e social. Esses sentimentos são mais altos entre os jovens da Grécia (93%), seguidos por Portugal (86%).