-
02/09/2021 às 08h55

Senado autoriza Amazonas a fazer empréstimo de US$ 200 milhões

Brasil
Senado autoriza Amazonas a fazer empréstimo de US$ 200 milhões
O governo do Amazonas foi autorizado a contratar um empréstimo de US$ 200 milhões com o Banco Internacional para a Reconstrução e Desenvolvimento (Bird). Essa quantia convertida à moeda brasileira equivale a pouco mais de R$ 1 bilhão.

O empréstimo foi aprovado pelo plenário do Senado Federal, na noite dessa quarta-feira (1º), e tem a garantia da União.

Os recursos deverão ser aplicados no Pro-Sustentável, programa do governo amazonense que abrange ações de recuperação fiscal e investimentos sociais.

O dinheiro também deverá ser utilizado para ajudar no controle da dívida pública, renovar o Portal de Transparência estadual, ampliar o Bolsa Floresta (programa de estímulo à conservação ambiental) e investir em saúde.

Haja dinheiro…

Não é a primeira vez que o Amazonas solicita empréstimo milionário a instituições financeiras internacionais.

Em dezembro do ano passado, o Banco Mundial aprovou transferir para o governo amazonense a quantia de US$ 200 milhões, equivalente a cerca de R$ 988 milhões na cotação da época, como parte de um plano de recuperação econômica pós-Covid.

A liberação do recurso ainda está sob análise da Secretaria de Assuntos Jurídicos (SAJ), da Secretaria-Geral da Presidência da República, uma vez que a garantia para esse tipo de transação também depende da União.